INSS suspende perícia médica; saiba o que fazer

Segurados agendados para revisão nos benefícios por incapacidade serão remarcados para o segundo semestre

INSS suspende perícia médica; saiba o que fazer
INSS suspende perícia médica; saiba o que fazer – Foto: Reprodução/ O Globo

 

INSS suspende perícia médica; saiba o que fazer.

Apedido do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), a Subsecretaria da Perícia Médica Federal do Ministério do Trabalho e Previdência decidiu em conjunto com o Instituto suspender, temporariamente, a realização de perícias médicas no âmbito do Programa de Revisão de Benefícios por Incapacidade (PRBI).

>>INSS: calendário revela datas de pagamento em janeiro com valor reajustado

A suspensão vale para agendamentos marcados desde o dia 12 de janeiro de 2022, de acordo com a Portaria Conjunta INSS/SPMF Nº 263, publicada nesta quinta-feira (13/01) no Diário Oficial da União.

As perícias que foram suspensas serão remarcadas para o segundo semestre de 2022. E o INSS irá comunicar os segurados sobre a nova data de remarcação. Os segurados convocados para o Programa de Revisão que tiveram a perícia suspensa continuarão recebendo o benefício normalmente, até serem atendidos pela Perícia Médica.

>>Parcela do décimo terceiro (13º) do INSS deve ser liberada nestas datas

Mutirões vão acontecer

A portaria manteve o atendimento para os casos de mutirões de realização de perícia médica que já estavam previamente programados e com viagens definidas no âmbito da Subsecretaria da Perícia Médica Federal.

>>Veja calendário de pagamento do benefício INSS para todo o ano de 2022

Pandemia

O Brasil vem registrando uma curva acentuada no aumento dos casos de covid-19. Dados de ontem (12/01) do Ministério da Saúde registraram 87.471 casos de covid-19 em apenas 24 horas. Há uma semana (05/01), o número de diagnósticos positivos foi 27.267, três vezes menor do que o registrado na quarta-feira.

>>Caixa libera até R$ 3 mil de auxílio retroativo; quem recebe esse dinheiro?

Já o último dia de 2021 registrou 10.282 casos de covid-19 no Brasil em 24 horas.