Que o açúcar não é exatamente o amigo da saúde e da boa forma, você provavelmente deve saber. A ingestão elevada de açúcar já foi associada ao desenvolvimento da diabetes e pode prejudicar também a saúde do coração, segundo a Harvard Health Publishing (Publicação de Saúde de Harvard, tradução livre).

O consumo de muitos açúcares adicionados também pode favorecer o desenvolvimento da doença hepática gordurosa, aumentar a pressão arterial e a inflamação crônica, completou a publicação de Harvard. Isso sem contar que ingerir muito açúcar estimula o aumento de peso – e um dos meios pelos quais ele pode fazer isso é desacelerando o metabolismo, quando os níveis de glicose encontram-se muito elevados.

A saída, então, parece ser cortar o açúcar. Algo que não é exatamente fácil, mas que traz benefícios. Mas por que isso acontece?

Quando uma pessoa fornece muito açúcar ao corpo, ocorrem picos nas taxas de glicose no sangue. O resultado disso é a secreção de insulina para armazenar o açúcar excedente na forma de gordura, o que faz com a energia seja muito reduzida, gerando fraqueza, mal-estar e cansaço. Com isso, o cérebro sinaliza a necessidade de mais açúcar, causando um ciclo infinito de picos e quedas de energia.

Por outro lado, manter níveis controlados de glicose no sangue provoca uma diminuição na vontade de comer doces. Além das vantagens em relação ao peso e à manutenção de uma energia constante, tirar o açúcar pode melhorar o humor, auxiliar a regular os hormônios, diminuir a inflamação e reduzir o risco de desenvolver diabetes do tipo 2.

Quanto tempo para obter os benefícios?

Uma pesquisa apontou que são necessários nove dias para começar a experimentar os benefícios de cortar o açúcar na dieta. Para quem está de olho em melhorar o metabolismo, além de abandonar o açúcar, vale a pena aderir as formas comprovadas cientificamente de acelerar o metabolismo.

Mas há um problema: algumas pessoas podem ser viciadas no açúcar, uma vez que a substância tem a capacidade de ativar a mesma área do cérebro que algumas drogas ativam, trazendo aquela sensação de prazer, bem-estar e excitação.

Por isso, no início a retirada do açúcar, algumas pessoas podem sentir-se deprimidas e cansadas e até com uma espécie de sensação de abstinência. Mas, passados os primeiros nove dias, espera-se que esses sintomas passem e que o paladar se acostume com o doce natural dos alimentos.

Fonte: Mundo Boa Forma

Você pode gostar

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *