Salário mínimo vai de R$ 1.294 em 2023 a R$ 1.378 em 2025

O documento mostra os planos do Executivo para realizar o novo aumento do salário mínimo para 2023, 2024 e 2025.

Salário mínimo vai de R$ 1.294 em 2023 a R$ 1.378 em 2025

O Governo deu ontem o sinal de partida para a sua agenda de salário mínimo de 2023, 2024 e 2025 ao enviar ao Congresso o projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) já com os valores de aumento do mínimo para os próximos anos.

O documento mostra os planos do Executivo para realizar o novo aumento do salário mínimo para 2023, 2024 e 2025.

Segundo o Palácio do Planalto, a proposta apresenta uma meta de déficit primário de R$ 65,9 bilhões para o Orçamento Fiscal e da Seguridade Social e R$ 3 bilhões para o Programa de Dispêndios Globais. Trata-se de uma redução em relação a este ano, que tem previsão de déficit primário de R$ 79,4 bilhões na Lei Orçamentária Anual.

Entre as prioridades para o Orçamento de 2023, o projeto da LDO destaca a agenda da primeira infância, ações de segurança hídrica, o programa Casa Verde e Amarela, a geração de emprego e renda e os investimentos plurianuais em andamento. Estas diretrizes deverão ser adotadas na elaboração da Lei Orçamentária de 2023.

Salário mínimo vai de R$ 1.294 em 2023 a R$ 1.378 em 2025
Mínimo vai de R$ 1.294 em 2023 a R$ 1.378 em 2025

Novo valor do salário mínimo 2023 já foi fixado pelo Governo

A meta estabelecida pelo Governo Bolsonaro é que o salário mínimo aumente 6,70% em 2023, que é a previsão do Ministério da Economia para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). Embora o valor final varie a depender da evolução do INPC, o governo estimou que o valor final seria aumento do salário mínimo de R$ 1.212 para R$ 1.294 a partir 1º de janeiro de 2023.

Valor do mínimo em 2024 a 2025

O projeto da LDO também apresenta a projeção do governo para o cenário macroeconômico do triênio de 2023 a 2025. Para os anos seguintes, o governo propôs um salário mínimo de R$ 1.337 em 2024 e de R$ 1.378 em 2025. Esses valores são apenas uma referência, e também podem ser alterados posteriormente.

Atualmente, 56,7 milhões de pessoas recebem salário mínimo no país, serve de referência para 24,2 milhões de aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Notícias em destaque
Deixe o seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação