Mudanças nas regras de trânsito geram novas multas e punições na CNH

Essas alterações dizem respeito ao resultado da Lei nº 14.229/2021, publicada em outubro de 2021

Mudanças nas regras de trânsito geram novas multas e punições na CNH. Diversas mudanças no Código de Trânsito Brasileiro (CTB) vêm sendo firmadas nos últimos meses.

Algumas dessas novas regras passaram a valer recentemente  em todo território nacional. Dentre elas, estão as novas multas de trânsito.

Essas alterações dizem respeito ao resultado da Lei nº 14.229/2021, publicada em outubro de 2021.

Algumas normas já começaram a valer e outras serão aplicadas a partir de 1º de janeiro de 2023. Alguns exemplos de regras que já estraram em vigor são as novas multas por excesso de peso, sanções para empresas e mudanças no processo de suspensão e cassação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Alterações no CTB geram novas multas e punições

A infração por excesso de peso, que é aplicada aos transportes de carga, foi flexibilizada com a mudança no Código de Trânsito Brasileiro, pois foram acrescidos trechos que regulamentam a aplicação de multas relacionadas à infração.

O fabricante deverá mostrar o limite de peso por eixo, em lugar que esteja visível na estrutura do veículo e no Renavam, conforme definição do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). Caso a especificação não seja atendida, essa infração de natureza média desconta 4 pontos na carteira.

A multa será de R$ 130,16, acrescida de valor referente ao sobrepeso. A lei também trata da autorização especial concedida para tráfego de veículos acima do peso permitido, desde que atenda casos especiais, como trânsito em áreas rurais e que não possuem pavimentação.

Outra mudança determina que as empresas proprietárias de veículos devem pagar um valor maior pelas multas que receberem quando não houver indicação de condutor infrator.

A indicação de condutor é um procedimento obrigatório nos casos de transgressões registradas em veículos de propriedade de pessoa jurídica. Isso porque a pontuação referente a essas infrações são aplicadas à CNH do condutor indicado.

O condutor que cometer uma infração de natureza grave receberá uma multa comum de R$ 195,23. Já a multa pela não identificação de condutor custará R$ 390,46 à empresa.

Mudanças na CNH

Segunda as novas alterações, a partir de agora, durante os processos de cassação ou suspensão da CNH, o motorista não terá mais a habilitação bloqueada, nem pode ser impedido de renovar o documento.

Isso significa que o motorista só terá o documento bloqueado quando todo o processo administrativo for finalizado.

Notícias em destaque
Deixe o seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação